5 DICAS PARA TRANSFORMAR SUA EMPRESA NO LUGAR IDEAL PARA TRABALHAR

Postado em Notícias

Especialista explica como deixar o seu negócio mais atrativo para os funcionários. Só assim é possível fidelizar talentos e gerar mais resultados. Veja:

LugarIdeal TrabalharNOVAREJO

Não é novidade que empresas com bom ambiente de trabalho e uma política sólida de gestão de pessoas são bons lugares para se trabalhar. E bons lugares para trabalhar geram mais resultados, tem maior produtividade e eficiência. Mas como criar um ambiente querido pelos funcionários? O que fazer para conquistar o coração e a atenção do quadro? É possível fazer essa mudança?

Para Pedro Hermano, sócio da agência de comunicação 242, é possível, sim. Aqui, ele dá dicas de como deixar o corporativo mais atrativo e produtivo.

1. Invista no ambiente
"Cada vez mais as empresas estão apostando em ambientes corporativos menos formais, tornando-os mais agradáveis". Decorações modernas, elementos leves, ambientes onde é possível reunir os funcionários são importantes nessa construção.

2. Aposte em momentos de descontração
Para Pedro, a empresa tem que estimular momentos de descontração. "É importante para seus funcionários tenham algum momento de distração para estimular a criatividade e o trabalho em grupo", comenta o sócio. Aqui vale criar espaços para esses momentos de break.

3. Valorize o trabalho dos funcionários
Valorizar o trabalho dos seus colaboradores é algo que irá motivá-los. Elogios, remunerações extras ou aumento de salário são algumas das coisas mais listadas entre os funcionários. "Somos adeptos do reconhecimento. Fazemos questão de elogiar e dar os parabéns quando um funcionário se sobressai", afirma o especialista.

4. Saiba ouvir o funcionário
Dentre as queixas mais listadas em empresas é não saber ouvir o funcionário. "Ouvir no que estamos errando e acertando é essencial para que uma empresa possa prosperar. Na 242, temos constantes reuniões em que todos possam dar feedbacks de como a empresa esta sendo vista pelos seus funcionários, citando seus pontos positivos e negativos".

5. Estimule o crescimento
Uma empresa que sabe o quanto o aprimoramento do funcionário é essencial para o seu próprio crescimento é uma instituição com olho no futuro, diz Hermano. "Para querer crescer, é preciso mostrar comprometimento e um dos jeitos que a gente encara é o investimento na carreira", finaliza.

Fonte: http://portalnovarejo.com.br/ 

6 INSTITUIÇÕES COM CURSOS GRATUITOS PARA EMPREENDEDORES

Postado em Notícias

USP, Sebrae e outras instituições oferecem capacitação de graça para quem quer empreender.

thinkstockphotos-480118296

Falta de gestão é um dos motivos que mais atrapalham as pequenas empresas. Em partes, os problemas costumam ser causados porque os empreendedores não buscam capacitação específica para lidar com finanças, estoque, equipe e vendas.

A boa notícia é que hoje é possível encontrar material de graça online para melhorar a gestão da sua empresa. No Sebrae, por exemplo, o empreendedor encontra mais de 150 tipos de cursos e aulas para o negócio.

Confira abaixo essa e outras instituições com cursos gratuitos sobre empreendedorismo e gestão:

1. Sebrae
O Portal de Educação a Distância Sebrae recebeu 45 novas capacitações e oferece agora 150 soluções educacionais entre cursos, oficinas, minicursos, jogos, dicas empresariais e vídeos. Para os interessados em começar um negócio, estão disponíveis 64 opções de cursos. Outras 86 opções são exclusivas para quem já possui Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).

2. Fundação Getulio Vargas (FGV)
A Fundação Getulio Vargas (FGV) oferece diversos cursos gratuitos por meio de sua plataforma online. As aulas digitais têm temas como Recursos Humanos, Investimentos, Direitos Autorais e Finanças Pessoais. Para se inscrever nos cursos, é preciso apenas fazer um cadastro no site da FGV Online.

3. Universidade de São Paulo (USP)
A Universidade de São Paulo (USP), por meio da plataforma de ensino Veduca, oferece cursos a distância com assuntos relacionados ao empreendedorismo. Todos eles são gratuitos. Entre os temas das aulas estão Gestão de projetos, Fundamentos de Administração e Liderança, Gestão de Pessoas e do Conhecimento para Inovação, entre outros.

4. Endeavor
A Endeavor, organização de fomento ao empreendedorismo, oferece 18 cursos gratuitos e online para quem quer abrir um negócio. As aulas são de especialistas em várias áreas como vendas, inovação, gestão de pessoas, estratégia e marketing.

5. Senai
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) oferece cursos gratuitos a distância sobre vários temas que ajudam tanto a capacitar a equipe quanto o empreendedor. As aulas estão disponíveis online ou como material impresso. Os cursos abordam temas como empreendedorismo, legislação trabalhista, segurança no trabalho e propriedade intelectual.

6. Unicamp
A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) criou uma série de cursos online com a plataforma Coursera. Um deles é sobre empreendedorismo. As aulas são dadas por Paulo Lemos, professor do Curso "O Empreendedorismo e as Competências do Empreendedor". É destinado a empreendedores que já identificaram uma oportunidade de negócio ou para quem quer ter uma visão ampla das competências que o empreendedorismo exige.

Fonte: http://revistapegn.globo.com/ 

Remição pela Leitura e Contratação de Presos – Projetos contra violência

Postado em Notícias

Nesta quinta-feira 16-06 na CDL de Itabuna, esteve presente empresários, representantes da Prefeitura Municipal de Itabuna e Poder Judiciário, para discutir o programa de ressocialização dos presos do Complexo Penitenciário de Itabuna.

20160616 193032


Na oportunidade o Dr. Alexandre Mota Brandão de Araújo Juiz de Direito da Comarca de Itabuna, compartilhou com todos os presentes o projeto Remição pela Leitura, que foi uma iniciativa da Promotora de Justiça Dra. Cleide Ramos e que foi acolhido pelo poder judiciário, onde a cada livro lido e resumido o preso poderá descontar quatro dias da sua pena no total de no máximo 48 dias no ano, ou seja, 12 livros lidos no prazo de 12 meses. Também esteve participando e apoiando o evento Dr. Fernando Rodrigues de Assis, Promotor de Justiça Substituto da 2.º Promotoria de justiça, onde elogiou a iniciativa e acrescentou a importância do movimento.

20160616 193040

Dr. Alexandre ainda alertou sobre o problema social que existe em presos sem ter nenhuma finalidade educativa e ocupacional durante o prazo de carceragem, onde os presos passam por uma verdadeira “oficina do crime”, em que cada preso sai e volta cada vez pior.


Por conta desta ótica e saber que a sociedade também é responsável em fazer sua parte, Dr. Alexandre pediu para as instituições lançarem uma campanha para arrecadação de livros para a biblioteca da Penitenciária com o intuito de alimentar o projeto Remissão pela Leitura. Algumas instituições representativas como a CDL de Itabuna e o SINDICOM já se colocaram à disposição para receber as doações e repassar para a Penitenciária, mas a relação de pontos de captação ainda será divulgada. Existe uma necessidade de que haja 20 exemplares de cada obra doada para que o projeto possa ter seu curso normal, mas todas as doações são bem-vindas.


Também foi explanado sobre o projeto do Começar de Novo do Tribunal de Justiça viabiliza parceira de empresa com o estado. A empresa pode empregar os presos em regime semiaberto e fechado. Cada empresa ou órgão publico poderá ter mão de obra mais barata sem os encargos trabalhistas e pagar até 75% do salário mínimo. Algumas exigências devem ser atendidas para que a empresa possa contratar a este preso, mas todos os procedimentos já estão à disposição de qualquer empresa que quiser passar pelo processo de aprovação. Veja todos os detalhes - http://www.cnj.jus.br/sistema-carcerario-e-execucao-penal/pj-comecar-de-novo

 

32º CONGRESO NACIONAL DOS SINDICATOS PATRONAIS DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇO E TURISMO

Postado em Notícias

OTIMISMO MARCA ABERTURA DO 32º CNSP

imagem-1


O Sindicom Itabuna esteve representado pelos seus diretores Eduardo Carqueija (presidente) e José Aboboreira (executivo) na cidade de Blumenau-SC sede do 32º Congresso Nacional dos Sindicatos Patronais do Comércio de Bens, Serviço e Turismo que teve como tema " O SINDICALISMO NA ERA DA INOVAÇÃO".

Abertura oficial, na noite de 25 de maio, contou com mensagens de otimismo pela classe empresarial.

"O Comércio viabiliza a vida em sociedade", afirmou o Ex. presidente do Sindilojas de Fortaleza (CE) Alberto Farias Patrono do Evento.

" O setor vai continuar vivo, gerando inúmeros empregos. Somos imbatíveis porque somos absolutamente necessários", afirmou.

Napoleão Bernardes, prefeito de Blumenau, destacou que os lideres sindicais do comércio, bem como os empresários do setor, carregam o DNA do cooperativismo, do empreendedorismo e do associativismo " Empreender e se associar são propulsores da economia do país".

Bruno Breithaup, presidente da Fecomércio-Sc, enfatizou a necessidade de se combater a crise econômica com ações e otimismo.

"Os senhores tem papel fundamental neste processo , cooperando, debatendo temas de interesse do setor e da sociedade e buscando soluções. Este evento é mais uma oportunidade para dar voz aos nossos Líderes Sindicais".

Houve uma homenagem aos Empresários Colares, ex-presidente do Sindilojas de Belém e vice-presidente da Fecomércio-Pa. Falecido em 19 de fevereiro, aos 85 anos. A cerimonia foi encerrada com show Coral Velhos Camaradas, com destaque para cultura alemã.

REUNIÃO DE EXECUTIVOS

imagem-2


A programação técnica denominado de Lair Montenegro abriu os trabalhos da 32ª CNSP, oportunidade em que foram apresentados vários trabalhos pelos sindicatos participantes.

Os trabalhos inscritos trouxeram aos participantes reflexões sobre experiências profissionais ou resultados de pesquisas no Sindicalismo Patronal.

O coordenador do painel foi Luiz Bravo, do Sindilojas Rio de Janeiro. Os trabalhos apresentados trouxeram como destaques importantes ações para o fortalecimento de atuação dos sindicatos.

Sindilojas de Goiás mostrou como foi realizada a Campanha Natal de Campinas. Considerado um verdadeiro shopping a céu aberto.

Karin Souza do Sindilojas de Porto Alegre apresentou o trabalho feito pela instituição para abertura do comércio da cidade nos feriados. O impacto foi bastante positivo.

-A iniciativa trouxe mais opções para o consumidor e rendeu maior retorno em impostos para o governo, ao mesmo tempo conseguindo ampliar a mídia gratuita por conta da atividade nos feriados.


REUNIÃO DOS ASSESSORES DE COMUNICAÇÃO E MARKETING

imagem-3


Tendo a coordenação de Karin Souza do Sindiloja de Porto Alegre, mostrou que estratégias inteligentes são hoje fundamentais para reforçar a atuação das entidades sindicais no país.

Simone Rockenbach Kamphorst , Sindilojas Vale do Taquari apresentou a campanha Atitudes Vencedoras que, através de pesquisas junto ao público dos Municípios de sua base de atuação, identificou preferências e visão do consumidor em relação aos estabelecimentos comerciais.

Silvana Fonseca e Marcelo Nogueira do Sindilojas Goiás apresentaram o projeto que criou o programa de rádio momento sindilojas. Veiculado aos sábados, entre 09h e 10h, e também acessado pela internet, o programa de debate de forma simples e descomplicada, com temas relacionados ao comércio.

Apresentação que teve grande repercussão foi a do Sindilojas Jovem (Caxias do Sul), mostrando a campanha contra o Comércio Ilegal. Franciele Zambelli, explicou que a campanha visa conscientizar o consumidor, mostrando os prejuízos dessa pratica.

-Conseguimos unir as entidades, e mostrar como a pratica existe é prejudicial, tanto para o lojista como para quem adquire o produto ilegal. Precisamos que as pessoas se sensibilizem com isso.

Rodrigo Silva do Sindilojas Gravataí, apresentou s ousada campanha da instituição para promover palestras e cursos, com forte utilização das mídias sociais e comunicação visual de impacto.

Por fim, Iesser lauar do Sindicomércio de Teofilo Otoni (BH) apresentou a iniciativa da instituição em oferecer uma bandeira de cartão de crédito próprio.

- Tem sido uma oportunidade para o fortalecimento de marcar o aumento de receita. No momento em que a gente entrou com Player, consegue baixar as taxas determinadas pelas operadoras que dominam o mercado.

PAINEIS

imagem-4

O Governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, saudou os congressistas e falou de sua preocupação com a crise econômica do País e mostrou números e dados que fazem o diferencial catarinense em relação aos demais estados da Federação.

Disse que Santa Catarina tem a menor taxa de desemprego do País, apesar do cenário preocupante do primeiro semestre. Citou a reforma da Previdência Estadual, e negociação para redução dos juros da divida com a União.

Defendeu uma reforma politica e econômica para o enfrentamento da crise e lembrou que o tempo é escasso para realização de qualquer mudança estrutural, como a das regras Previdenciárias, dizendo que o Congresso precisa votar esses temas o mais rápido possível

MINISTRO BUZZI PEDE A AJUDA DOS LIDERES PATRONAIS PARA ALAVANCAR A MEDIAÇÃO E A CONCILIAÇÃO.

Buzzi explicou como funciona a mediação, resolvendo de maneira mais adequada e célere as questões cíveis de menor complexidade e de pequeno valor-desafogando, assim, o judiciário sem prejuízo para a cidadania e pediu aos Congressistas que a conciliação e a mediação sejam empregadas nas empresas e sindicatos.

VIDA SEM A ÉTICA

Palestra proferida pelo Professor e Historiador Leandro Karnal que deu uma bela chacoalhada nas certezas e na consciência dos Congressistas.

Assim como é possível incorporar os princípios éticos, é sempre válidos tornamos parte do dia-a-dia. Karnal entende que o preço a pagar por uma vida sem ética é alto. É preciso mentir muito, e ter uma grande memória para sustentar as mentiras. Quem trai o marido ou a esposa, por exemplo, precisará sempre ter cuidados com os menores detalhes. E flertar com a possibilidade de ser desmascarado, até mesmo com os alertas de um aplicativo de mensagens do celular.

Por último o palestrante lembra que o maior desafio e deixar de encarar a ética como uma obrigação relativa, exigindo a ética absoluta para os outros, especialmente para a classe politica, e não ter consigo próprio o mesmo nível de exigência.

A ARTE DE VIVER A MUDANÇA

A palestrante Dulce Magalhães mostrou nossa dificuldade para mudar. Estamos de certa forma preso dentro dos modelos do mundo, e das lentes que temos para enxergar a realidade.

Dulce propôs aos que usavam óculos na plateia: emprestem aos que não usam. Com isso, mostrou que cada um enxerga de uma maneira.

Todos enxergamos a realidade a partes de nossas crenças. A gente acha que é assim, acha que é desse jeito. E não vê que a mudança é possível – destacou.

MOMENTO ECONÔMICO NO BRASIL

O Brasil pode achar o caminho da retomada, diz o economista Carlos Thadeu de Freitas, chefe da Divisão Econômica da CNC.

Thadeu elogiou o plano econômico do governo Temer, que considerou bom em termos gerais. Ex-diretor do Banco Central, o economista vê com preocupação o crescimento da dívida pública que pode chegar a um patamar insustentável.

No curto prazo, é fundamental que o dinheiro volte a circular na economia brasileira, o que deixou de acontecer com a crise. O desemprego tem jogado contra, bem como a restrição ao crédito mas a balança comercial e a situação cambial também estão a favor, pois o Brasil é hoje um País barato para investimento.

- A reforma Previdenciária é oportuna e vai ajudar o País – afirmou

NEGOCIAÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

Osmani Teixeira- Presidente do Conselho de Relações do Trabalho da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), falando para os congressistas sobre os caminhos e os grandes desafios para negociação coletiva de trabalho.

O tema é caro aos congressistas, já que a negociação é uma das funções básicas da atuação sindical patronal.

Segundo Osmani a negociação é uma arte que não se resume à discussão de um acordo. Cada Sindicato Patronal tem suas virtudes diferenciadas.
- Adquirir a confiança dos negociadores de uma nova gestão do Sindicato Laboral é desafiador. Todos os que passam a sentar à mesa tem certeza de que os antecessores eram corrompidos pelos patrões. Então, sempre se perde grande tempo para quebrar a desconfiança – explicou.

Osmani também comentou as disputas dos Sindicatos Patronais com o Judiciário e o Ministério Público, fruto de decisões que, por vezes não se mostram adequadas nem a patrões e nem empregados.

O Brasil tem muitos protetores do trabalhador, como Ministério Público, o Judiciário e os Sindicatos Laborais. Desses são os Sindicatos que tem maior interesse e capacidade de identificar a necessidade de seus trabalhadores.

TEMATICAS

1-GESTÃO DE QUALIDADE COMO DIFERENCIAL COMPETITIVO
2- SHOPPING CENTER
3- RELACIONAMENTO- SINDICATO X PODER LEGISLATIVO
4- DESENVOLVIMENTO SINDICAL- SISTEMA DE EXCELENCIA EM GESTÃO SINDICAL
5- COMÉRCIO DE RUA – CASE BLUMENAU.

ENCERRAMENTO

imagem-5

O encerramento virou uma verdadeira Oktoberfest, para alegria e emoções dos 1,2 mil congressistas.

Realizado no setor 4 da Vila (Eisenbahn Biergarten) , a mini Oktoberfest teve pratos típicos, muita dança, com a apresentação da Associação Folclórica Germânica , e um desfile rápido, mas cheio de alegria e descontração reunindo vovô e vovó chopâo, clube de caça e tiro e grupos folclóricos e a Tulipwagem.

Para fechar o Show o encontro dos Velhos Camaradas, do Mannerchor Liederkranz , encantou e pôs todo o congresso para pular e cantar.
A Banda Champagne fechou a noite de muita música alemã. Uma Mini-Oktoberfest que nada ficou a dever à festa de outubro.